segunda-feira, 7 de março de 2011

Do egoísmo ao amor universal

"Dizem alguns que o egoísmo é o único poder motivador por trás das atividades humanas. É também amor, aviltado quando se particulariza. Quando penso em mim, abrangendo o Universal, não estou pensando de maneira egoísta; mas quando, por engano, penso que sou uma insignificância, meu amor torna-se particularizado e estreito. O engano consiste em tornar estreita e contraída a esfera do amor. Tudo o que existe no universo tem origem divina e merece ser amado. Contudo, é preciso ter em mente que o amor ao todo inclui o amor às partes."

Swami Vivekananda ,  "O que é Religião", Ed. Lótus do Saber.
"Só a abençoada loucura do divino amor
pode curar para sempre
a doença do mundo, da qual padecemos."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe: