quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Meditação: para conhecer a verdadeira natureza e não para desenvolver poderes

"Patânjali escreveu um livro sobre os poderes ocultos, chamados siddhis, na qual ele explica que, para nós, são um obstáculo a ser superado. Da mesma forma que Sri Ramakrishna, ele nos previne a respeito dos perigos que implicam esses poderes. Podemos conquistar poderes miraculosos, mas não devemos nos preocupar com eles e, sim, nos afastar deles. É preciso ter consciência de que são um empecilho que deve ser superado. Se você compreende como todos os fenômenos ocultos são produzidos, não irá mais procurá-los.

Patañjali Estátua em Pantanjali Yog Haridwar Peeth
Fonte: Wikipedia 

Os poderes não trarão paz, nem felicidade, pois os objetos desse mundo não têm essa capacidade. Somente ao encontrar sua verdadeira natureza você obterá alegria e grande contentamento.

Os iogues procuram dominar sua própria natureza para não serem mais escravizados por ela. Os sofrimentos deste mundo provêm dessa sujeição. A natureza pode usar qualquer coisa para me atrair, mas se estou consciente de que sou eu quem toma a decisão sobre o que fazer, ela não será mais uma tentação para mim. O escravo não gosta da escravidão e busca liberdade; nossa alma também. Quando a encontramos, tudo o que acontece à nossa volta perde a importância, até mesmo os maiores milagres."

Swami Ritajananda, A prática da meditação, Rio de Janeiro: Lótus do Saber, p. 69 e 70

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe: